About this board

Hamilton Abreu (talkcontribs)

A Mansil está a dar nas vistas por estar a usar tradução automática e pela seleção de mensagens que escolhe «traduzir», e poderá vir a ser bloqueada se continuar como fez hoje.

Essa tradução automática tem de ser muito melhor revista do que as revisões que tenha feito até agora, se alguma, porque está cheia de problemas. Não deixe passar «modelo», acabe com a «API de ação», preste atenção aos singulares no fim de frase, e preste atenção às coisas que lhe tenho feito notar nas muitas mensagens que deixei. Ou ajusta aquilo que está a usar para produzir melhores resultados, ou passa a rever esses resultados devidamente antes de gravá-los na wiki.

Caso contrário, a sua participação não é bem-vinda.

Eu não lhe deixarei mais mensagens, porque já percebi que estou a perder o meu tempo. Pare de traduzir coisas que não entende usando software que as entende ainda menos, porque não está a ajudar ninguém.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Eu não utilizo traduções automáticas

E as ameaças começam!?

Realmente, trabalhar com portugueses é mesmo horrível.

Quando não lhe agradam as coisas, vêm com ameaças de expulsão/bloqueio

É mesmo triste  :(

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Eu apontei-lhe dezenas de incorreções que introduziu aqui e no translatewiki.net, e você continua, inclusive aumentando o número de traduções que faz, sem assimilar o que lhe é dito.

  • Não altere nada no código de língua pt-br, como fez hoje. Nunca altere nada em pt-br.
  • Verifique no auxiliar de tradução o que está padronizado: interwiki links, por exemplo, traduz-se por «hiperligações interwikis», não por «hiperligações interwiki», nem por «hiperligações de interwiki», nem por «os interwikis», nem por nenhum outro termo que lhe soe melhor. Verifique no auxiliar qualquer outro termo técnico que surja.
  • Pare de alterar coisas que desconhece: você não tem os conhecimentos para chegar cá e alterar o que está feito, só porque sim. Está a meter-se no meio de coisas que têm um historial, sem o conhecer.
  • NÃO REMOVA «transclusão» por a palavra não estar dicionarizada, porque quem escreveu «transclusão» não é estúpido e sabe que a palavra não está dicionarizada. Não remova nem altere coisas semelhantes, só porque você as desconhece, ou não entende. A sua atitude de sabe tudo e os outros são todos burros que você vem corrigir, é cansativa. Preocupe-se em entender porque é que as coisas são como são, antes de alterá-las.
  • Se uma tradução sua foi analisada e revertida, não volte a repeti-la e insistir nela. Esta é a segunda vez que lhe digo isto.

Qualquer pessoa com um mínimo de bom-senso contribuiria positivamente, criaria amigos, esperaria até ser reconhecida como elemento de valor, e só depois envidaria correções ao trabalho de outros. E, nesse processo, aprendia duas ou três coisas que evitariam dissabores futuros por não compreender as coisas. Aquilo que tem estado a fazer é o preciso oposto disto.

Reply to "Traduções automáticas"

«As contas mais antigas do que de 4 dias (...)»?

12
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «Accounts which are more than four days old (...)» por «As contas mais antigas do que de 4 dias (...)» pretende ser uma tradução para a língua portuguesa? Em que província é que se fala português dessa forma? «Mais antigas do que de 4 dias»? E disse-me ontem, com um desplante de bradar aos céus, «a única coisa que tenho a dizer, é que deve voltar à escola e formar-se para traduzir»? As suas traduções não têm a qualidade necessária para se integrarem no trabalho que aqui se faz.

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Olhe, e aprenda com o tradutor brasileiro a falar português: «Contas que têm mais de quatro dias (...)».

Mansil alfalb (talkcontribs)

Tradutor brasileiro não admira os erros que cometem lol

Contas com mais de quatro dias (...) é o correto!

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Sabe lá você o que é correto... desculpe que lhe diga, mas é mesmo assim.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Pelo que tenho visto hoje nas wikis o português está pior do que imaginava.

Não critique quando na MediaWiki não existe consistência nenhuma nas traduções, por exemplo, é utilizado ''download'', descarregar, transferir, e por aí fora.

E não é só isto. Alguns títulos estão totalmente errados e mal traduzidos.

'''Se passasse menos tempo''' a chatear-me e utilizasse esse tempo para melhorar e corrigir as wikis para estarem com bom português, era o que fazia de melhor.

Esta é a minha última resposta/observação consigo, em virtude da falta de respeito que tem, e não me trate mais por "tu" porque não me conhece de lado nenhum.

Só isso, já mostra parte daquilo que é.

Quando é que se trata alguém por tu?!

Aprenda!

Mansil alfalb (talkcontribs)

Eu não sei, e nunca o disse que era.

Não ponha palavras nas bocas dos outros.

Eu ainda continuo a aprender desde 1984, e irei continuar a aprender porque é assim que nos desenvolvermos e aprendemos.

Pare de me chatear.

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Como não disse? Foi escrito por si, duas linhas acima: «Contas com mais de quatro dias (...) é o correto!». O desplante de pretender corrigir a tradução do tradutor brasileiro, depois de escrever o que escreveu.

E se não percebeu, quando eu digo tradutor brasileiro estou a falar do Fabsouza1 que traduziu a mesma mensagem que a Mansil, mas para o português brasileiro, aqui, há quatro anos.

Eu não pretendo chateá-la: estou a mostrar-lhe que isto não é a favela que imaginava que era, e que se pretende ajudar e ser aceite vai ter de melhorar a qualidade das suas traduções, porque eu não posso estar aqui a verificar tudo aquilo que anda a fazer, tintim por tintim.

Fabsouza1 (talkcontribs)

Obrigado pela lembrança.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Resposta ao Hamilton:

Não tenho nada contra o português do Brasil.

Caso, não saiba, o português (Brasil) tem muitas frases como as nossas e eu não tenho culpa que já existam traduções noutros idiomas que sejam parecidas ou até igual às nossas traduções.

Não percebo a sua perseguição.

Já lhe pedi para me informar quem são os gestores/administradores do nosso idioma, mas mantém-se calado.

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Desculpe, Fabsouza1, não pretendia envolvê-lo nas nossas querelas. Parece que agora, quando se menciona alguém, a pessoa é avisada pela wiki.

Fabsouza1 (talkcontribs)

Fique tranquilo. Não me ofendi de modo algum. É que, há algum tempo, deixei de fazer traduções no MediaWiki. Mas é bom saber que minhas contribuições foram satisfatórias.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Caso, não saiba, o português (Brasil) tem muitas frases como as nossas e eu não tenho culpa que já existam traduções noutros idiomas que sejam parecidas ou até igual às nossas traduções.

Não percebo a sua perseguição.

Já lhe pedi para me informar quem são os gestores/administradores do nosso idioma, mas mantém-se calado.

Reply to "«As contas mais antigas do que de 4 dias (...)»?"
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Mansil, não faça isto, por favor. Esta mesma alteração feita por si anteriormente foi recusada, não a repita, por favor.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Eu não utilizo traduções automáticas

E as ameaças começam!?

Realmente, trabalhar com portugueses é mesmo horrível.

Quando não lhe agradam as coisas, vêm com ameaças de expulsão/bloqueio

É mesmo triste  :(

Reply to "Não faça isto"

''especially if things start acting strangely.''

2
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «especially if things start acting strangely.» por «especialmente se as coisas começarem a agir de forma estranha.» está incorreta, porque as «coisas» podem «começar a agir» na língua inglesa mas as «coisas» não «agem» na língua portuguesa. Não traduza expressões idiomáticas de forma literal, precisamente porque são idiomáticas e não se podem traduzir assim.

Outra forma de perceber isto é ir ao Google e procurar o texto «"se as coisas começarem a agir de forma estranha"». A sua tradução é tão adequada que em toda a Internet encontrará 0 (zero) ocorrências da mesma. Portanto, convença-se de que as coisas não agem de forma estranha, por favor.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Outra vez a mostrar que nada sabe sobre o inglês, nem sequer quanto à tradução

Reply to "''especially if things start acting strangely.''"

''Packages are installed to extensions/ or skins/''

2
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «Packages are installed to extensions/ or skins/» por «Os pacotes são instalados em extensões/ ou temas/» está incorreta, porque o MediaWiki não altera o nome das pastas (diretórios ou diretorias, se quiser) conforma a língua de instalação. Portanto, as pastas em questão chamam-se sempre extensions/ e skins/. Não traduza estas coisas para português. Em caso de dúvida é preferível não cometer o erro: pergunte, peça-me ajuda, ou deixe para que quem sabe traduza.

Mansil alfalb (talkcontribs)

ninguém está a dizer o MediaWiki altera isso

nem ler e interpretar uma frase sabe

e nem sequer sabe nada em relação a traduzir. que é o que tem mostrado pelas suas interpretações e até traduções na wiki

Reply to "''Packages are installed to extensions/ or skins/''"

Wikimedia Foundation e action API

4
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Não traduza «Wikimedia Foundation», deve manter-se desta forma.

«Action API» é designada no MediaWiki em português por «API operacional», como pode verificar aqui. Esta tradução foi agora documentada no auxiliar de tradução e peço-lhe que a siga.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Criada por si, que é o ''expert'' em tradução!

Isto, só mostra o ridículo que é para se ajudar quando as pessoas não sabem o que fazem.

Operacional?!

Hamilton Abreu (talkcontribs)

A minha área de perícia não é para aqui chamada, embora claramente eu saiba do que falo e não seja esse o seu caso.

Se tem argumentos apresente-os, mas «API de ação» é outra tradução literal do inglês, que você teima em fazer de forma acéfala e, irritantemente, como se nos viesse contar uma novidade: desta feita, que action significa «ação». API de ação, não tem qualquer significado em português: ou você não sabe o que é uma API ou não sabe o que se faz com ela nem como. A única coisa que aqui é ridícula é a sua «API de ação».

A Mansil precisa de aprender, se não lho ensinaram, que não se traduzem palavras: traduz-se conceitos e ideias. Esqueça a palavra «action», aprenda o que em inglês se pretende dizer com isso, informe-se sobre aquilo que o objeto da sua tradução faz e para que serve, e traduza as coisas de forma que quem lê as suas traduções compreenda o que está a dizer.

A sua «API de ação» e os seus «modelos» e outras coisas que aqui andou a escrever são traduções literais de palavras inglesas, feitas por quem não entende o que elas significam e se refugia na literalidade - é como digitar cartas pressionando teclas, percebe? Não faz a mínima ideia do que está a escrever, mas assim foi escrito em inglês, por isso aqui vai disto...

Mansil alfalb (talkcontribs)

Continuo a dizer para se ir informar ou educar

E veja o que eu escrevo, e não ponha palavras suas na boca de outros

Reply to "Wikimedia Foundation e action API"
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «rationale» por «justificativa» é inenarrável. «Justificativa», em Portugal, como substantivo, é uma prova da veracidade de algo. Aprenda-o!

O uso que aqui faz da palavra é um brasileirismo descabido que, em português de Portugal, se diz «justificação». Em Portugal, apresenta-se justificações, «justificativas» apresentam-se é no Brasil. E não, também não é o feminino de «justificativo» porque isso é um adjetivo. Inenarrável. Simplesmente.

Agora, compreenda que um rationale não é uma justificação nem é uma explicação, no sentido próprio dos termos. Vá comprar um dicionário bilingue credível, consulte-o e aprenda que a tradução correta de rationale em português de Portugal é fundamentação (no sentido de fundamentação lógica).

Mansil alfalb (talkcontribs)

Justificativa é um adjetivo - NÃO substantivo

Já lhe disse que deve ir educar-se sobre o que faz aqui, e não vir dar lições quando não sabe o que está a fazer ou a dizer.

rationale

s.

fundamentação lógica;

base racional;

rar.

exposição, explicação fundamentada;

apresentação de razões;

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Folgo em ver que foi consultar um dicionário. Parabéns.

Espero que tenha aprendido que rationale é fundamentação e que a palavra «justificativa» não consta da entrada que citou.

Se acha que «justificativa» não é um substantivo, isto não piora ainda mais a sua tradução do substantivo rationale por um adjetivo? É que eu ainda lhe estava a dar um desconto, mas você teima em afundar-se ainda mais.

Para aprender que «justificativa» é também um substantivo em português europeu, e descobrir o significado deste substantivo, dirija-se, por exemplo, aqui.

Mansil alfalb (talkcontribs)

É o que eu faço e tenho sempre comigo.

E não é só um, tenho 4 dicionários de pt e en, etc...

Reply to "Justificativa"
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «media» por «média» está incorreta, porque se está a falar de tipos de conteúdo digital, portanto de multimédia, e não de meios de comunicação social.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Santa ignorância:

(Priberam)

1. Todo o suporte de difusão de informação (rádio, televisão, imprensa, publicação na Internet, videograma, satélite de telecomunicação, etc.) que constitui ao mesmo tempo um meio de expressão e um intermediário na transmissão de uma mensagem.

2. Conjunto dos meios de comunicação social.

ou pode referir-se a um disco /CD, DVD, Blu-ray)

Reply to "''media''"
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Olá Mansil alfalb, acerca de algumas das traduções que fizeste:

  • A tradução do MediaWiki está padronizada neste auxiliar de tradução, que te peço para consultar e seguir. Namespace traduz-se por «espaço nominal» ou «espaço nominal/domínio». Template traduz-se por «predefinição» a menos que se esteja a falar mesmo de modelos, tal como existem no MediaWiki modelos (tipo) de página. Wikitext traduz-se por «texto wiki». Where clause, por outro lado, não é a «cláusula "onde"» é a «cláusula where» (com where em itálico) porque não se programa SQL em português; pela mesma razão, set clause é a «cláusula set» e não a «cláusula "definir"».
  • Não alteres «o MediaWiki» para «a MediaWiki», por favor. Portanto as alterações para «Editar e discutir na MediaWiki», «Se nunca utilizou a MediaWiki:», «Transferir versão prévia da MediaWiki», «Transferir versão de Apoio de Longo Prazo (LTS) da MediaWiki» e outras que tal devem ser desfeitas, se fazes o favor.
  • Sobre a alteração para «Cada página de um site MediaWiki não só têm informação para mostrar-lhe, mas também permite-lhe mover para outras páginas.»: isto é mesmo a sério? Eu compreendo a alteração de «Todas as páginas» para «Cada página», mas não compreendo que se siga com «têm informação para mostrar-lhe» nem que «permite-lhe mover para outras páginas» seja português escorreito.
  • Sobre a alteração para «Para ajudá-lo a navegar, cada página em MediaWiki, tem três elementos de navegação principais:»: «cada página em MediaWiki», entre vírgulas, é mesmo a sério?
  • A alteração de «Lista das páginas vigiadas pelo utilizador» para «Uma lista das todas páginas que está a vigiar» é mesmo a sério?
  • A alteração de «O nosso código é gratuito e aberto» para «O nosso código é todo gratuito e de código aberto» é mesmo a sério?
  • Sobre a alteração de «Mudanças recentes» para «Alterações recentes», se olhares para a barra lateral facilmente constatas que ela diz «Mudanças recentes», certo? Esta parte da funcionalidade está padronizada como «mudança» e não como «alteração» e peço que sigas esse padrão.
  • Sobre a alteração de «Carregar ficheiro» para «Enviar ficheiro», se olhares para a barra lateral facilmente constatas que ela diz «Carregar ficheiro», certo?
  • Sobre a alteração de «entre esta informação estará» para «dentro desta informação estará» isto é português escorreito? Dentro da informação não está nada.
  • Peço-te que não mudes as ocorrências da palavra «usar»para «utilizar» para parecer português erudito. De igual forma, por favor, peço que não mudes «mudar» para «alterar», «fazer uma pergunta» para «colocar uma pergunta», «usam várias linguagens» para «utilizam uma variedade de linguagens», etc.
  • Em português, não se adiciona «s» a siglas para designar o plural, como fazem em inglês. Portanto, diz-se «as API» e não «as APIs», etc.
  • Em português, a palavra «legada» não tem nenhum significado que permita usá-la para substituir as palavras «prévia» ou «anterior».
  • Em português, training não é sempre treino, especialmente em Phabricator training que não se traduz por «Treino do Phabricator», porque não se vai treinar.
  • Porque é que traduzes Phabricator team como «Equipa do Phabricator» e Phabricator training como «Treino do Phabricator», mas alteras «documentação do Wikimedia Phabricator» para «documentação de Wikimedia Phabricator»?
  • Há uma diferença entre um erro e um defeito: a diferença é que o defeito dá lugar ao erro.

Seria abusar da tua boa vontade pedir que, antes de fazer alterações de fundo àquilo que já foi traduzido, fizesses a tradução completa (100%) de páginas substanciais, de forma a te integrares melhor neste esforço? Eu gostava de ver a tua tradução de páginas substanciais com frases complexas antes de aceitar as tuas alterações ao que já existe.

Abraço

Mansil alfalb (talkcontribs)
    • A alteração de «Lista das páginas vigiadas pelo utilizador» para «Uma lista das todas páginas que está a vigiar» é mesmo a sério?

quando a esta tradução está correta.

  • A alteração de «O nosso código é gratuito e aberto» para «O nosso código é todo gratuito e de código aberto» é mesmo a sério?

esta tradução também está correta.

O mal que tenho visto aqui é na interpretação que fazem do inglês.

Se utilizar um programa de tradução (bom), vai ver que uma substancial parte do que está traduzido para português não está correto.

Até agora não vejo nada de errado nas minhas traduções, nem sequer estão erradas. Podem precisar de alguns ajustes, mas duvido. Deixo ao seu critério.

Pelo que tenho visto, e é mais utilizado em Portugal para a palavra "change" é "alteração" porque modificação é utilizado para a palavra "modify".

Está a cometer um erro aos dizer que em português não se utiliza s after siglas, etc... exemplo: PMEs, PALOPes, APIs, e por aí fora.

Não se utiliza defeito, mas sim "erro".

Porque é assim que se traduz em português, Equipa de xxxx, bem como treino do ou de xxxx...

Send -> enviar, transmitir; não se carrega nada e isto era utilizado nos primórdios do software.

Use - usar, utilizar

Eu utilizo "Utilizar" nas nas traduções para PC que acho que é o mais apropriado, mas não está errado e nem deve dizer que ninguém que deveria utilizar "usar" porque é da maneira que a, b ou c gostam. E utilizo "Usar" nas traduções de aplicações (apps) em virtude de os campos serem mais curtos nas traduções de aplicações móveis.

E dizer que é erudito a sua utilização, é esquisito, no mínimo:

adjetivo

Que tem profundos e vastos conhecimentos.

E para finalizar o auxiliar de tradução está cheio de erros/incoerências:

Software - Conjunto de programas

Profile - perfil e não 'o perfil'

attachment | o anexo; a ligação -> em informática é "anexo"

ligação - hiperligação -> link

audio file -> ficheiro de áudio

autoblock -> bloquear automaticamente / bloquear automático e não "bloqueio automático", embora tudo dependa frase ou aplicação do termo.

É por isso que muitas das vezes não se pode dizer que A é B ou C porque tudo depende da sua aplicação.

Se as traduções fossem sempre efetuadas a verem a sua aplicação no software / site da Web, nunca seriam cometidos tantos erros.

A língua inglesa é muito mais simples e existem mais ao menos normas para o inglês.

Já em Portugal, o que se vê é uma confusão/desordem nas traduções, e principalmente nas que são voluntárias porque muitas das vezes as mesmas são efetuadas de acordo com o gosto de que está a traduzir. Por isso é que ninguém se entende.

Não se esqueça que traduzir textos, formulários, certidões, sítios da Web, não é o mesmo que traduzir software.

Pode chamar-me à atenção sempre que for necessário, MAS ANTES, gostaria que visse o que existe traduzido aqui e no outro site da Web porque as traduções não estão uniformes, nem são consistentes.

Como é que me pode chamar à atenção quando as mesmas estão cheias de erros e utilizam termos em pt-BR, nem que ninguém os corrija?!

Neste caso, acho que todos os utilizadores que têm erros nas suas traduções para português também estão a receber uma mensagem como a que me enviou.

Obrigada pelo seu tempo.

OBS: eu posso ajudar muito mais e até dedicar mais tempo, mas o "auxiliar de tradução" deve/tem de ser revisto com alguém responsável pela tradução para português, e que esteja disposto para isso. Obrigada!

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Há aqui muitos pontos e não vou rebatê-los um a um, por ser fastidioso e temo não surtir grande efeito. Note, no entanto, que não tem razão: «das todas páginas» está incorreto, «O nosso código é todo gratuito e de código aberto» está incorreto (preciso mesmo explicar-lhe que não é correto dizer-se «das todas páginas» e «o nosso código é de código aberto»)?

Felizmente, eu não preciso de um programa de tradução (nem mesmo de um «bom») para compreender inglês. «Change» e «modify» são, para o fim em questão, sinónimos. O facto de estar padronizado há já 9 anos que, naquela aceção, a tradução para português é «mudanças recentes» e que todos a traduzem dessa forma, fecha a questão, pelo que a Mansil não tem razão para alterá-la.

Ao dizer-lhe que em português não se pluraliza com «s» final siglas e abreviaturas, estou a seguir o que é dito sobre a questão no flip, no Cuidado com a língua, no Código de Redação Interinstitucional da UE... reconheço, no entanto, que a questão não é consensual entre gramáticos e linguistas, mas é a que tenho seguido aqui. É difícil debater-se isto no meio de tudo o resto, mas não me parece correto que a Mansil altere o que está numa forma para a outra forma.

Usa-se «defeito», pela mesma razão que se usa em qualquer outro produto. Se usar um carro e ele tiver uma vibração estranha na quinta mudança, o carro não tem um erro, tem um defeito. Se comprar uma cafeteira e ela não funcionar, não tem um erro, tem um defeito. Quando usa um programa e ele não funciona devidamente, não tem um erro, tem um defeito. Podia dizer-lhe que sou profissional de TI e «defeito» está correto, mas também posso citar-lhe o Glossário da Sociedade de Informação:

defeito, s.m.
[ing.] bug
[def.]
(1) Diferença entre o valor ou condição calculado, observado ou medido, e o valor ou condição verdadeiro, especificado ou teoricamente correto.
(2) Passo, processo, ou definição de dados incorreto.
(3) Resultado incorreto.
(4) Ação humana que produz um resultado incorreto.
Nota: As quatro definições são normalmente usadas, mas a definição 1 é mais associada à palavra “erro” (“error”), a definição 2 à palavra “anomalia” (“fault”), a definição 3 à palavra “falha” (“failure”) e a definição 4 à palavra “engano” (“mistake”).

Training em TI não é «treino», nem ninguém treina Phabricator. O que aqui está em questão, na língua portuguesa, chama-se «formação». De igual forma, é opção sua usar a palavra «tutorial» (eu chamo-lhe «servilismo», não lhe chamo opção) mas eu questiono-me o que faziam os coitados dos portugueses para demonstrar algo antes dos falantes de língua inglesa nos terem brindado com «tutorial»: não se conseguia demonstrar nada a ninguém neste país.

Referi, no outro lado, o que tenho a dizer sobre «usar» e «utilizar», e o que tenho a dizer sobre as traduções no auxiliar de tradução começarem por «o» e «a» (não é esperado que seja sempre usado o «o» e o «a»).

Dizer-se que o auxiliar de tradução «está cheio de erros/incoerências» parece-me, no mínimo, resultado de não o ler. Para sua informação, software também se refere a um único programa ou aplicação, attachment é usado no MediaWiki em attachment status, que significa o «estado de ligação central» de um utilizador, autoblock também é «bloqueio automático» sim senhora, como a própria reconhece dizendo «embora tudo dependa frase ou aplicação do termo», como é claro. Saberia algumas destas coisas se conhecesse o que está a traduzir ou aquilo sobre que está a opinar de forma tão pouco preparada, em vez de julgar que as coisas se traduzem unicamente olhando para a frase a traduzir. São estas coisas que fazem com que o auxiliar esteja «cheio de erros»? Não me parece uma opinião abalizada, perdoe que lhe diga.

Enfim, o mais próximo de um revisor do português europeu que aqui existe sou eu, e a Mansil refere que deixa algumas coisas ao meu critério, pelo que tomarei a liberdade de repor o que me parece correto nas traduções e desfazer o que me parece ter alterado incorretamente. Espero que a Mansil respeite essas decisões.

Hamilton Abreu (talkcontribs)

E quanto a esta sua observação:

«Se as traduções fossem sempre efetuadas a verem a sua aplicação no software / site da Web, nunca seriam cometidos tantos erros».

não podia concordar mais consigo. A Mansil não devia alterar nada que não sabe usar nem ver em pleno uso, porque está a introduzir erros naquilo que está bem, como já lhe referi sobre as alterações que fez a «mudanças recentes» e «carregar ficheiro». Portanto, peço que não continue a fazê-lo.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Bem! Isso é para rir.

O português está horrível.

E era melhor estar calado.

Donwload - no auxiliar é para transferência que é a palavra mais utilizada

E tem sido utilizado o download em itálico e descarregar e transferência em várias transferências.

Como ficamos?! Que utilizar?!

Já lhe disse para não me chatear e para ir aprender primeiro, e ver o seu português.

Não sei de onde é, mas isso tem mostrado que a educação não foi muito boa.

Mansil alfalb (talkcontribs)

E só mais uma coisa:

não sei aonde foram buscar a ideia para escreverem português europeu, e o mesmo deveria estar português (europeu).

Isto não existe, e foi criado por alguém sem conhecimento do que estão a fazer.

Por exemplo, na "M" os coordenadores tem lutado para retirar português (europeu) porque está errado, mas a Mozilla tem imposto alguma resistência.

Mesmo para existir a versão em português (Portugal) tem sido uma luta ingrata.

Mas também não admira quando os mesmos cometem erros crassos em pt e até nem corrigem termos em pt-BR à séculos, nem sequer terminam parte de algumas traduções.

O correto é português (Portugal) ou só português.

Hamilton Abreu (talkcontribs)

Eu não sei quem criou a expressão «português europeu». Sei, no entanto, que ela é usada por Ana Salgado no Pórtico da Língua Portuguesa, por Helder Guégués, pelo Ciberdúvidas, e isso chega-me, porque considero-os (desculpe) fontes mais autorizadas do que a Mansil.

Fique, no entanto, a saber que no MediaWiki há dois códigos de língua: pt (designado português) e pt-br (designado português do Brasil). O primeiro é para o português europeu ou outra designação alternativa que prefira.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Português (Europeu) está errado e não deveria ser utilizado.

A Europa não teem este idioma, nem sequer foi adotado por ninguém.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Se lhe disserem para se atirar abaixo de uma ponte, de certeza de que não se atira.

Isso tá errado, mesmo vindo da parte deles porque isso não existe. Por isso, não é nenhuma norma estipulada a ser seguida.

Eu "NÃO" sabia, santa ignorância...

Em relação às várias notificações que recebi, a única coisa que tenho a dizer, é que deve voltar à escola e formar-se para traduzir, ou então, não diga tantos disparates, tal como o que se referiu em relação à palavra "predefinir"/"predefinição".

O mal destes sites, como aqui, é que os gestores/coordenadores, não tem formação em relação à tradução, e depois querem/tentam impor o seu gosto por certas palavras aos outros.

E para sua informação, em relação ao que andou a escrever, é que por exemplo, só entre o Porto e Lisboa há muita diferença nas palavras que são utilizadas nas TI, e até mesmo dentro da mesma cidade as pessoas utilizam diferentes termos para se referirem, por exemplo, downlaod, send, etc...

Por isso, não me queira vir dar lições de moral/tradução e melhore o que tem traduzido, ou de errado.

Passe bem.

@Mansil alfalb

Hamilton Abreu (talkcontribs)

O seu «contra-argumento» (chamemos-lhe isso...) sobre atirar-me de uma ponte e o resto, só me permite retorquir que nada tenho a acrescentar ao que disse. Aliás, minto: acrescento que a expressão «português europeu» é usada, adicionalmente aos anteriores e caso não fosse suficiente, pelo Instituto Camões, pela Universidade Aberta, pela Colibri, em teses de mestrado da Faculdade de Letras da UL, e em mestrados da Nova. E isto, só na primeira página do Google. Portanto, olhe, só me ocorre sugerir que este não é o local para travar essa sua guerra.

Naquilo que lhe tenho apresentado nas notificações da translatewiki.net, indico exatamente ao que me refiro, explico-lhe o que está errado na sua tradução e explico-lhe como ela deveria ser feita para estar correta. A estes argumentos, «responde-me» aqui com ofensas, disfarçadas de desabafos, e vice-versa, e a atirar para canto, mas não encontro um contra-argumento que explique a correção do que fez e qual é o meu erro. Portanto, substância zero.

Nada disto abona a seu favor e não deixa de ter piada que a pessoa que vem acusar os outros de quererem «impor o seu gosto por certas palavras», é a mesma que sugeriu que se use «utilizar» em detrimento de «usar», e altera as traduções dos outros de «usar» para «utilizar» &madsh; um absurdo, querer «legislar» sobre o uso de termos não técnicos nem funcionais que, para o efeito, são sinónimos.

Disse-lhe anteriormente, e repito, que substituir «usar» por «utilizar», «fazer perguntas» por «colocar perguntas», «língua» por «idioma» e várias outras manias de usar palavras difíceis na língua escrita, não passa de uma tentativa bacoca de aparentar erudição, que se cheira a milhas. É olhar para um texto traduzido e nada é «mostrado» nem «apresentado» é tudo «exibido», de repente há «itens» por todo o lado, e agora só falam e escrevem «idiomas», percebe-se logo ao que vêm. Aconselham-me a voltar à escola (a lata!), vai-se ver e nem sabem o que significa runtime, nem sabem o que significa legacy e julgam que se traduz por «legada», escrevem «das todas páginas», «o nosso código é de código aberto», «à muito» e «antes demais», e pronto, estamos conversados!

Repare que aquilo que lhe digo é concreto, fundamentado e está ali para ser lido por quem quiser. Se pretende contra-argumentar, não é com acusações generalistas, infundadas e desprovidas de qualquer fundamentação, atiradas para o ar a ver se pegam, que o consegue. Apresente argumentos fundamentados e concretos se os tiver se não tem, aprenda e corrija os erros que tem estado a introduzir.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Eu não tenho culpa que as pessoas, mesmo com formação, não tenham os conhecimentos necessários quanto à nossa língua.

Mesmo eu, com a formação que tenho, não posso dizer que sou perita, nem sequer que sei bem português, porque ninguém o sabe.

E também não tenho culpa, que as pessoas ignorem a própria língua e, até em relação às TI.

Você é que é "bacoco"...

Já o reportei quanto à sua perseguição e insultos.

E estou a preparar um dossier para o enviar e a explicar os erros aqui dados, e inclusive, na Cheatsheet.

Uma tradução de "add" -> a adicionar está completamente errada, esta é apenas "adicionar"

Reply to "Traduções"
Hamilton Abreu (talkcontribs)

Esta tradução de «Download snapshot» por «Transferir captura de ecrã» está incorreta a vários níveis. Em primeiro lugar, snapshot não é uma captura de ecrã! Em segundo, assumir que um utilizador que está a descarregar uma cópia local do Phabricator descarregaria uma «captura de ecrã» é não ter noção do que está a traduzir. Quer isto dizer que não só se enganou, confundindo com screenshot, como nem se apercebeu do engano, por que não percebe o que está a traduzir.

Mansil alfalb (talkcontribs)

Aprenda e livre-se da sua ignorância quanto ao inglês e português:

snapshot

s.

fot.

instantâneo;

to take a snapshot

tirar um instantâneo;

v. tr. e intr.

{particípios:: -tt-}

tirar um instantâneo a;

tirar instantâneos;

Já corrigi o meu erro.

Reply to "''Download snapshot''"